♥ Womens Of Rock N’ Roll ♥ / ♥ Mulheres do Rock N’ Roll ♥ Parte 1

womansss

♥ Mulheres do Rock N’ Roll ♥ Especial Dia Internacional das Mulheres! 

Hey Rockers! Como estão?

Hoje mais um post sobre Rock N’ Roll, especialmente para as lindas, talentosas e corajosas mulheres que ajudaram a mostrar que rock n’ roll não é só para os homens! 😉

Então, continue lendo Rocker 🙂 Acredito que teremos mais que duas partes desse post, pois quero fazer desse tema no blog bem evidente! haha

girlss2

Começando bem do início! 

Anos 60!

Janis Joplin!

Acredito que muitas pessoas conheçam essa talentosa mulher, vendo apenas fotos! ( Porque né! Janis ficou muito famosa, mesmo estando no ano de 2016, gerações e mais gerações que crescem acabam conhecendo!)

janisss

Janis Joplin foi praticamente a primeira mulher a cantar e ser considerada Rainha do Rock and Roll nos anos 1960, seu gênero em si não foi só rock and roll, considerada também maior cantora de blues e soul!

E realmente, Janis era dona de uma voz muito forte e única!

Janis participou do famoso Festival de Woodstock, de 1969! Vale a pena assistir, presença de palco maravilhosa 🙂

Recomendo o álbum solo dela, ”I Got Dem Ol’ Kozmic Blues Again Mama!” de 1969 😉

Janis partiu precocemente nos anos 70, aos 27 anos. Mas deixou toda uma obra excelente e fantástica de Blues que estará para sempre marcada na história do Rock N’ Roll! ♥

tumblr_ln6zh6zVtY1qhetaz

Fiquem com uma versão mágica dessa lenda, não tem como não se arrepiar com esse vídeo! I love Janis Joplin! é como dizem, ela tinha o espírito da coisa!

Será eternamente lembrada!

Anos 70!

Suzi Quatro!

Suzi Quatro surgiu nos início dos anos 70 e foi muito bem sucedida em sua vida! é cantora, baixista, atriz norte-americana e personalidade da rádio!

251E276700000578-0-image-m-18_1422623569829

Quatro nasceu em uma família católica e musical, em Detroit, Michigan. Seu pai, um músico de jazz da época, era de ascendência italiana, enquanto sua mãe era húngara. Muitas fontes afirmam que o sobrenome de batismo de Quatro era Quatrocchio, mas segundo a sua autobiografia, o avô paterno (cujo nome era Quatrocchio) realmente encurtou o nome da família para “Quatro” antes de Suzi nascer. Quatro começou sua carreira musical na idade de quatorze anos. Ela tocou baixo nas bandas femininas Pleasure Seekers e Cradle com suas irmãs Patti, Nancy, e Arlene. Seu primeiro baixo foi um Fender Precision (1957), que seu pai a deu.

Suzi Quatro mudou-se para o Reino Unido em 1971, após ser descoberta em Detroit pelo produtor musical Mickie Most, que produziu The Animals, Jeff Beck, Lulu e Donovan. Nesta época Most havia fundado sua própria gravadora, RAK Records, que fez estrelas como Hot Chocolate e Hud.

download (5)

O primeiro single de Suzi, “Rolling Stone”, não alcançou popularidade exceto em Portugal, onde chegou ao topo das paradas. Seu segundo single “Can the Can”(1973) foi um hit número um em todo Europa e Austrália, e foi seguido por mais três sucessos: “48 Crash”(1973), “Daytona Demon “(1973), e “Devil Gate Drive” (1974), todos pela RAK Records.

Essas gravações, no entanto, encontraram pouco sucesso em sua terra natal, EUA, apesar das turnês em meados dos anos 1970 e do apoio de Alice Cooper. Além disso, exceto na Austrália, a popularidade de Quatro e seu glam rock diminuiu a partir de 1975. Nesse ínterim, ela conseguiu alguns papeis de sucesso como atriz em seu papel Leather Tuscadero na série de TV Happy Days, Leather era a frontwoman de uma banda de rock feminina formada com a personagem principal, Joanie Cunningham.

article-0-161D2E55000005DC-570_634x631

Suzi foi uma frontwoman muito a frente de seu tempo! Produziu 7 álbuns somente no anos 70:

  • Suzi Quatro (1973, Can the Can na Australia)
  • Quatro (1974)
  • Your Mamma Won’t Like Me (1975)
  • Aggro-Phobia (1976)
  • Live And Kickin’ (1977) (Japão & Austrália apenas álbum ao vivo; relançado como CD duplo em 1990 apenas na Austrália)
  • If You Knew Suzi… (1978)
  • Suzi… And Other Four Letter Words (1979)

Mais 3 álbuns nos anos 80 :

  • Rock Hard (1980)
  • Main Attraction (1982)
  • The Best Of… (1984)

Nos anos 90 e 2000:

  • Oh Suzi Q. (1990)
  • What Goes Around (1996)
  • Unreleased Emotion (1998)
  • Back To The Drive (2006)
  • In The Spotlight (2011)

Dá para notar que ela tinha puro talento né? e ainda continua tendo! Eu indico muuuuuito pra quem não conhece! Primeira vez que ouvi essa mulher fiquei de cara! Muita presença de palco! ♥

The Runaways!

The Runaways foi uma banda de rock and roll composta somente por mulheres 😉 Formada em 1975 , a primeira formação foi com Joan Jett (a guitarrista que teve a ideia de uma banda somente de mulher), Sandy West na bateria e Micki Steele nos baixos. Sim, a primeira formação só tinha 3 garotas 😉

1 ano depois, a banda ganhou fama e cresceu, mudando as integrantes da banda, formando a formação mais conhecida, Lita Ford na guitarra, Joan Jett também na guitarra e segunda voz, Jackie Fox nos baixos e Cherie Currie no vocal! Foi com essa formação que elas conseguiram contrato com a gravadora Mercury Records em 1976, fazendo seu álbum de estreia ”The Runaways”, que ganhou sucesso a ponto delas abrirem para bandas como Van Halen 😉

A banda lançou o segundo álbum ”Queens Of Noise” em 1977, logo Jackie Fox saiu da banda e Joan ocupou os baixos por um tempo. Cherie Currie também largou a banda, fazendo Joan Jett a vocalista principal e Vicki Blue nos baixos. Em 1977, lançaram o terceiro álbum, com Lita Ford na guitarra, Vicki Blue no baixo, Sandy West na bateria e Joan Jett nos vocais 😉

therunawaysss

Um ano depois, a banda acaba passando por diversos problemas! Brigas empresarias com Kim Fowley (o produtor da banda, que a própria Jackie Fox diz que foi abusada por ele), e muita, muita crítica da impressa, por serem adolescentes precoces no mundo do rock and roll. A banda acabou em 1979, por vários tipos de problemas, Lita queria Heavy Metal, mas Joan queria Punk Rock. No final, Joan Jett segue sua carreira solo, Lita Ford também, Sandy West fez shows com a banda Sandy West band e infelizmente faleceu em 2006, Cherie Currie virou atriz e fez um álbum com sua irmã, Micki Steele (a compositora) foi para a banda The Bangles, Jackie Fox se tornou advogada e Vicki Blue tentou formar um projeto com Cherie Currie, que acabou não dando certo, logo em seguida criou o documentário com Jackie Fox sobre a banda ”Edgeplay: A Film About The Runaways.” 😉 Sobre Kim Fowley, ele só ajudou elas a ganharem fama, elas eram muito mais talentosas que ele, e ele era um idiota e nenhuma delas gostavam dele, a própria Jackie Fox afirma que ele abusou dela e esse foi o motivo dela sair da banda, dizem que ele ainda ganhou dinheiro com o filme delas, um grande babaca né? Enfim, o que importa é que essas mulheres deixaram sua mensagem, que rock and roll não é só para homens!

Ainda nos anos 70…

Girlschool!

Girlschool é uma banda de Heavy Metal, britânica formada no ano de 1978 somente de mulheres! Essa banda é a mais antiga de mulheres que ainda estão na ativa depois de 35 anos! Responsa né? Formada por uma banda de cover chamada Painted Lady, que tinha como integrantes Kim McAuliffe na guitarra e no vocal, Dinah Enid Williams nos baixos e no vocal, Tina Gayle na bateria. A razão pela qual foram só mulheres, é que os caras não queriam tocar com elas, segundo Kim. Logo a formação muda e Deirdre Cartwright se junta na banda como guitarrista, Val Lloyd fica no lugar de Tina na bateria, daí então, a banda começa aos shows e tocam em pubs 😉

Mais tarde, Cartwright sendo mais velha e mais experiente que as outras garotas, deixa a banda em 1977 para formar sua própria banda, em seu lugar entra Kathy Valentine que fica muito pouco tempo, ela decide voltar para os EUA para formar sua banda, e aí então, Painted Lady acaba. Mas, McAuliffe e Williams ainda dispostas a continuar tentando formar uma banda e largarem básicos empregos, elas reformam a banda e recrutam a guitarrista Kelly Johnson e baterista Denise Dufort em 78. A nova formação mudam o nome da banda para Girlschool e partem para turnês!

Elas ganharam a ajuda de Lemmy Kilmister, que ajudou a divulgar a banda, e também a conseguir contrato para o primeiro álbum de 1980 com o Vic Maile, ”Demolition” que fez grande sucesso!  Em seguida, em 1981 o álbum ”Hit and Run” também muito, muito bom! Em 1982 Girlschool fez uma turnê pela Europa e no mesmo ano, lançou o terceiro álbum! Com recomendação de Lemmy Kilmister, Gil Weston entra na banda e participa do álbum ”Screaming Blue Murder” excelente álbum! (todos os álbuns delas me agradam muito! haha)

Girlschool-girlschool-37954869-600-398

Mais tarde elas lançam o quarto álbum com Lemmy Kilmister e outros convidados, ”Play Dirty” foi lançado em 1983, para vocês verem que essa banda estava no gás! Um álbum em cada ano 😉  Porém, Kelly Johnson se cansou da vida na estrada, e abandona a banda e a turnê. No início de 1984 a banda precisava de uma nova guitarrista solo e cantora e de um novo contrato, mas as garotas não desistiram! Encontraram a Cris Bonacci para ser a guitarrista, Jackie Bodimead como cantora e tecladista! Elas ficaram bem Hard/Glam com essa vocalista, resultando no álbum de 1985 ”Running Wild” que foi considerado mais AOR e glam metal do que Heavy Metal. E realmente, elas ficam super glam no clipe ” Running Wild” 😉 E eu acho super boa essa formação! apesar de não ser muito conhecida.

Girlschool_1985

Elas perdem o contrato com a Mercury Records, e voltam para a formação de antes, Kim McAulliffe nos vocais, Cris Bonnaci na guitarra, Gil Weston no baixo e Denise Dufort na bateria! As garotas começam a trabalhar em um novo álbum com o antigo produtor da banda, Vic Maile, lançando o álbum ”Nightmare at Maple Cross” de 1986, que foi bem recebido pela a imprensa. Um pouco mais tarde, Gil larga a banda para ficar com seu marido em 1987, e quem substitui ela é a Tracey Lamb (Rock Goddess). Em seguida o álbum ”Take A Bite” de 1988 é lançado com a nova formação e elas promovem o novo álbum participando das turnês de Gary Glitter, Dio e Black Sabbath. Retornando dessas turnês, a banda não renovou seu contrato, e a banda praticamente acabou. Gostos musicais foram mudando em todo o mundo em favor do grunge e gêneros de metal mais extremos, obrigando a maioria dos músicos a partir da nova onda do heavy metal britânico para se desfazer ou diminuir suas turnês, e isso aconteceu com Girlschool. Mas elas voltam com tudo em 1992 com o álbum ”Girlschool”, com mudança na formação, com Jackie Carrera. Nos anos 2000, infelizmente uma integrante que passou pela banda partiu em 2007, Kelly Johnson se foi aos 49 anos. Elas lançaram mais 5 álbuns nos anos 2000! o mais recente é de 2015! Para vocês verem que rock and roll está no sangue dessas mulheres!

A atual formação :

Kim McAuliffe, Jackie Chambers, Enid Williams e Denise Dufort!

Por hoje é só Rockers! Postando hoje especialmente para o dia Internacional das Mulheres! ♥

Em breve parte 2, iniciando nos anos 80, esperem para ler porque vai ter muita banda de girl! yeah! 

Keep On’ Rockin! 

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *